Buscar
  • Sivlia Ferolla

Alimentação pode te ajudar a controlar os sintomas da gastrite

Atualizado: Jul 23


Gastrite é a inflamação da mucosa gástrica. Os principais sintomas são queimação e dor na parte superior do abdômen. Também são comuns náuseas, vômitos, sensação de distensão abdominal e perda de apetite.

A principal causa da gastrite (95%) é a presença da bactéria Helicobacter pylori, que libera urease, enzima capaz de mudar o pH do estômago, causando sensação de acidez, queimação e dor.

A alimentação é um fator que sem dúvida, pode tanto melhorar quanto agravar os sintomas da gastrite. Leia essas orientações até o fim, pratique e sinta-se melhor.

O QUE VOCÊ DEVE EVITAR:

Ingestão de produtos alimentícios ultra processados - ricos em aditivos e conservantes - são os que mais agravam os sintomas da gastrite:

• Carnes processadas como salsicha, linguiça, bacon, presunto, peito de peru, salame, mortadela.

• Queijos amarelos e processados, como cheddar, catupiry, provolone.

• Molhos prontos.

• Temperos em cubos.

• Comida pronta congelada e fast food.

• Refrigerantes, sucos prontos, chás prontos.

• Açúcar e doces

• Preparações à base de farinha de trigo, açúcar e gordura como bolos, pães brancos, salgados e biscoitos.

Alimentos ácidos podem ser mal tolerados como as frutas cítricas, mas a tolerância deve ser avaliada individualmente antes de excluir esses alimentos da dieta.

Alimentos muito gordurosos – frituras, carnes gordas – são digeridos mais lentamente e por isso podem agravar os sintomas da gastrite. Portanto, devem ser evitados.

Alimentos que contém cafeína com café, chá verde, chá preto, chá mate, chocolate também são irritativos da mucosa gástrica e devem ter seu consumo reduzido.

O consumo de bebidas alcoólicas também é nocivo para a saúde gástrica e deve ser evitado em pacientes com gastrite.

Além disso, é fundamental a perda de peso se houver sobrepeso/obesidade, porque o excesso de gordura abdominal aumenta a pressão gástrica, agravando os sintomas.

ALIMENTOS BENÉFICOS

Os alimentos benéficos são os de fácil digestão e pobres em gorduras.

• Frutas em geral, com exceção de frutas ácidas se houver intolerância.

• Vegetais em geral, de preferência cozidos e sem casca na fase de mais

dor, se estiver sem sintomas, preferir os vegetais crus – consumir pelo menos 3 variedades ao dia.

• Carnes magras em geral, cozidas, ensopadas ou grelhadas.

• Iogurte natural (sem aditivos), queijos brancos magros, como ricota, minas frescal ou coalho light.

• Grãos integrais em geral como arroz integral, quinoa, aveia.

• Chás de alecrim e hortelã.

• Temperos naturais.

Para saber mais sobre a melhor dieta para controle da gastrite, consulte a nutricionista Silvia Ferolla, especialista em nutrição clínica há mais de 15 anos e PhD pela UFMG.

Saiba mais emwww.silviaferolla.com.br e agende sua consulta pelo telefone 31 2573-0090 ou 99199-2929 (Whatsapp).


4 visualizações

Agende sua consulta com a nutricionista

Somente consultas particulares. Não temos convênios.

Rua Bernardo Guimarães, 2717 | Sala 1101 | Santo Agostinho 

Belo Horizonte | MG | CEP 30140-082

(31) 2573-0090

(31) 99199-2929

contato@silviaferolla.com.br

 

© 2017 Silvia Ferolla

WhatsApp.png